Empresários do setor de Serviços vão ao Senado por 4330

presidente do Senado FederalRenan Calheiros (PMDB-AL), recebeu, em Brasília, neste 25 de agosto, grupo de empresários do setor de Serviços para conversar sobre o Projeto de Lei 4330/2004, que pretende regulamentar a Terceirização no Brasil. O texto foi aprovado na Câmara em abril deste ano e aguarda apreciação pelo Senado.

Sob coordenação do professor Gaudêncio Torquato, os empresários falaram sobre diversos pontos do PL, destacando sua importância neste momento de crise e desemprego. O grupo também conversou com outros senadores ligados ao tema.

Calheiros assumiu o compromisso de criar uma comissão para debater o PL 4330 em conjunto com os empresários envolvidos. Ficou a cargo de Torquato reunir a posição de trabalhadores, por intermédio do Sindeepres, e dos empresários, junto às entidades representativas, e levar ao conhecimento do Senado.

Integraram o grupo que foi à Brasília: Vander Morales, presidente da Fenaserhtt e do Sindeprestem (Federação Nacional e Sindicato das Empresas de Terceirização e de Trabalho Temporário no Estado de São Paulo); Vivien Mello Suruagy, presidente do Sinstal (Sindicato Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços em Telecomunicações); Jorge Vasquez, coordenador da Câmara de Trabalho Temporário do Sindeprestem; Genival Beserra, presidente do Sindeepres (Sindicado dos Empregados em Empresas de Prestação de Serviços a Terceiros); Amâncio Barker, assessor político do Sindeepres; José Carlos Teixeira, presidente do Sinserht (Sindicato das Empresas de Prestação de Serviços e Trabalho Temporário no Estado de Minas Gerais); Mario César Ribeiro, presidente do Sindepres (Sindicato das Empresas de Prestação de Serviços no Estado do Espírito Santo).

JAN_6533JAN_6484JAN_6583JAN_6575JAN_6572JAN_6579JAN_6571JAN_6557JAN_6553JAN_6546JAN_6530JAN_6508JAN_6498