Artigos

Veja abaixo todos os artigos publicados.

A guerra da propaganda

A propaganda política, ensinava Jean-Marie Domenach, professor francês de Humanidades considerado um dos papas dessa ciência, "faz o povo sonhar com as grandezas ...

O voto, dever ou direito?

O voto é um dever cívico ou um direito subjetivo? A instigante questão diz muito a respeito da qualidade de um sistema democrático. No nosso caso, a resposta é ...

Discursos saturados

A 15 dias do pleito, salta à vista que o ideário na esfera da disputa presidencial ficou abaixo das expectativas, comprimido pela camisa de força imposta pelo mod...

O direito ao riso

O que aconteceria se Lula, mesmo com 80% de aprovação popular, tivesse adiado o tradicional carnaval de fevereiro para o mês de abril, em homenagem a um de seus m...

A onda continuísta

Mudar, inovar, alterar padrões de comportamento tradicionais são apelos frequentes do discurso eleitoral. Mudança foi o termo com que o presidente Luiz Inácio in...

Os três faróis do voto

O que o eleitor leva mais em consideração na hora de votar: benefícios sociais e econômicos proporcionados por governos ou a trajetória de vida dos candidatos? ...

A força dos prefeitos

Os prefeitos acordaram. Depois de décadas de acomodação, regadas a mandonismo, filhotismo e votos de cabresto, a prefeitada recebeu a vacina da lei de responsabil...

A corrosão do caráter

A matreirice sempre deu o tom na política nacional. Um dia, Magalhães Pinto (UDN) manda chuva-chuva de Minas Gerais encontrou-se numa estrada com Tancredo Neves (P...

O voto feminino no Brasil

É inegável o fortalecimento, em praticamente todos os quadrantes do universo, dos movimentos em favor dos direitos da mulher. As mulheres estão ascendendo nos set...

O lamento profético de Bolívar

Nunca o lamento do grande libertador Simon Bolívar, expresso há mais de 150 anos, esteve tão atual: “não há boa fé na América, nem entre os homens nem entre...

O fim das lágrimas de um comediante

As lágrimas do comediante, disse um dia Diderot, escorrem de seu cérebro; as do homem sensível jorram de seu coração. Na política, também é assim. Os políti...

A nova articulação social

Há uma nova e forte articulação social em marcha no país, pouco detectada por pesquisas e quase despercebida pelos cientistas políticos. A força emergente da s...

Festa para um pequeno demônio

Rogério da Silva Ribeiro matou friamente Rodrigo Damus, 20 anos, estudante de jornalismo, porque precisava de dinheiro para a festa de seus 18 anos, “comprar uma ...

A política de grupos e regiões

O projeto de combate à corrupção eleitoral - centrado na compra de voto - aprovado pela Câmara dos Deputados e pelo Senado, em prazo recorde, e sancionado pelo ...

A barbárie do Brasil bandido

Antes de o leitor terminar de ler este parágrafo, dois cidadãos estão tombando ou sendo assaltados, nos vastos espaços do território nacional, vítimas da bandi...

Mundos encantados

A moderação é um dos maiores valores da política. O homem moderado, ensinava Aristóteles, nunca permitirá que o exaltem ou o rebaixem. “Não há de se orgulh...

As malhas do poder invisível

No centro de dois grandes lamaçais que começam a ser desvendados -corrupção nas malhas do poder judiciário e relações incestuosas entre autoridades do Banco C...

A vida cada vez menos bela

A grandeza de uma Nação não é apenas a soma de suas riquezas materiais, o produto nacional bruto. É o conjunto de seus valores, o sentimento de pátria, a fé e...

A tristeza do estado-espetáculo

Há, na sociologia política, uma hipótese que pode muito bem explicar certos fenômenos que mexem com o estado d’alma da população. A sobrecarga das demandas s...

O ponto de quebra

O marketing político apresenta nuances bem diferentes do marketing de produtos. Não se pode comparar um candidato a um sabonete. A maquinaria psíquica do ser huma...

O eleitor e o marketing

A força da natureza é a maior do universo. Os homens até conseguem, com obras monumentais de engenharia e arquitetura, driblar as forças naturais, porque sua for...

Os sete pecados capitais dos governantes

Os governantes não gostam de ver seus retratos em preto e branco. Só a cores. Alguns até olham para o espelho, como a madrasta da Branca de Neve, e tascam a pergu...

As caras dos governantes

A vida de uma administração - federal, estadual ou municipal - se assemelha a um carro de quatro marchas. Cada ciclo corresponde a uma marcha. A primeira dá o emp...

Os ácaros da política

A política não é um fim em si mesma. É um sistema-meio para administrar as necessidades do povo. Sendo assim, não deve ser escada para promover pessoas nem meio...

A doença dos governantes

O tempo pode não ser lá muito exato. Regra geral, depois de dois anos e pico, a tendência dos governantes é a de cair num estágio letárgico. Trata-se de uma do...

O Brasil encapuzado e arbitrário

A imensa maré de lama que envolveu políticos na CPI dos Precatórios, a violência policial estampada pelas telas de TV e as redes de corrupção fincadas nas estr...

A gente não tem cara de babaca

O cidadão brasileiro está aumentando suas taxas de racionalidade e, em conseqüência, passa a exigir padrões políticos mais qualitativos. Essa hipótese, cada v...

País dos escândalos

No Brasil, os papéis entre os campos público e privado são facilmente trocados, gerando superposição e invasão, enquanto a coisa pública se transforma em espa...

Não somos uma Nação

Um véu de incerteza teima em cobrir o espírito nacional, adensando as expectativas, aumentando as angústias e diminuindo a crença nas instituições políticas e...

Um murro na cara

O povo não é uma ficção. E nem mesmo está se prestando a ser massa de manobra, como ainda assim o classifica uma categoria de políticos ultrapassados que pensa...

Página 15 de 16« Primeira...1213141516